banner msg


 denuncias

Medidas de Coação aplicadas aos suspeitos da prática dos crimes de Infidelidade, Peculato e Falsificação de Documentos

banco cultura01 10 09 2016g

A Polícia Judiciária, através da Secção Central de Investigação de Crimes Económicos e Financeiros da Polícia Judiciária, SCICCEF, informa que os dois detidos por suspeita da prática dos crimes de Infidelidade, Peculato e Falsificação de Documentos, conheceram as respetivas medidas de coação no final do dia de quinta-feira, 04, mesmo dia em que foram detidos e presentes ao juiz.

 

Assim sendo, e conforme determinação do juiz, ao ex- PCA do Fundo Autónomo de Apoio à Cultura foi lhe aplicado como medidas de coação Interdição da saída do país, Termo de Identidade e Residência e pagamento de uma caução, no valor de 500 mil escudos.

 

Já em relação a ex-funcionária da mesma instituição, foi lhe aplicada como medidas de coação Interdição da saída do país e Termo de Identidade e Residência.

Desenvolvido por STIAT - PJ