Sal: Polícia Judiciária detém sete indivíduos suspeitos de uma multiplicidade de crimes

 

A Polícia Judiciária, através do Departamento de Investigação Criminal do Sal (DICS), em cumprimento de um mandado do Ministério Público, deteve, na sexta-feira, 10, fora de flagrante delito, nas localidades de Chã de Matias e Chã de Fraqueza – Espargos, sete indivíduos, dos quais, três do sexo masculino e quatro do sexo feminino, com idades compreendidas entre os 21 e 28 anos, suspeitos da prática de uma multiplicidade de crimes, como Ofensa à Integridade Física Qualificada, Ameaça e Roubo com violência sobre pessoas, ocorridos entre outubro de 2016 e agosto de 2017.

Na sequência das diligências desencadeadas pelo DICS, foram recuperados parte dos objetos que teriam sido subtraídos pelo grupo.

Os detidos foram presentes, no sábado, 11, às autoridades judiciárias competentes, para efeito do primeiro interrogatório judicial de arguidos detidos e aplicação das medidas de coação pessoais, tendo sido aplicado Prisão Preventiva para dois deles (um homem e uma mulher) e TIR, Interdição de Saída do país e da ilha e Apresentação Periódica na PJ para os restantes cinco detidos.