PJ detém suspeito de coautoria de homicídio no Tarrafal de Santiago

A Polícia Judiciária, através da Secção Central de Investigação de Crimes Contra Pessoas (SCICCP) – Brigada de Prevenção de Homicídios – deteve, no passado dia 28 de dezembro de 2018, no bairro de Eugénio Lima, Praia, um indivíduo do sexo masculino, natural do concelho da Praia, suspeito de coautoria num crime de homicídio, ocorrido no dia 5 de dezembro de 2018, no concelho do Tarrafal de Santiago,

O suspeito foi repatriado de Portugal, em setembro de 2018, após ter cumprido pena por crimes de roubo e assalto à mão armada, cometidos naquele país.

O detido foi presente, no mesmo, ao Tribunal da Comarca do Tarrafal, para efeito do primeiro interrogatório judicial de arguidos detidos e aplicação de medidas de coação pessoal, tendo-lhe sido aplicado Prisão Preventiva.

Recorda-se que outros três suspeitos haviam sido detidos no dia 17 de dezembro de 2018 pela Polícia Judiciária, tendo dois deles ficado em Prisão Preventiva e um sob TIR e Interdição de Saída do país. A vítima era um emigrante reformado da França, de 62 anos, que sofreu agressões múltiplas e asfixia, até a morte.