Praia: Autópsia determina asfixia mecânica por enforcamento como causa da morte de taxista

A Polícia Judiciária informa que na sequência de uma comunicação feita, este domingo, 27 de outubro, ao Serviço de Piquete desta instituição policial, dando conta do aparecimento, na zona de Trindade, Praia, de um cadáver de um individuo do sexo masculino, por voltas das dezasseis horas e quinze minutos, a Brigada de Prevenção de Homicídio fez-se deslocar ao local para a realização da inspeção judiciária, finda a qual foi ordenada a remoção do cadáver para a casa mortuária do Hospital Agostinho Neto para efeito de autópsia médico-legal, que viria a acontecer esta segunda-feira, 28.

 Segundo o resultado da autópsia, realizada durante esta manhã pela perita médico-legal, a causa de morte terá sido asfixia mecânica, por enforcamento, pelo que se está perante um caso de suicídio.

Relativamente ao caso da mulher cujo corpo foi encontrado na localidade de Monte Babosa, na manhã do último sábado, 26 de outubro, a Polícia Judiciária informa que trata-se efetivamente de um caso de homicídio e que o mesmo encontra sob investigação.